Renata Checha – A Crafter

Eu sempre tive uma veia artística, mesmo que até hoje tenha dificuldade em me ver de fato como uma artista. A primeira vez que eu pensei que podia trabalhar isso em trabalho foi em 2012, quando comecei a fazer amuletos, oratórios pintados e caveiras mexicanas para vender. Eu tinha criado o Artesanato da Sorte.

Me mudei pra Brasília e esse negócio ficou pra trás. Mas eu continuei fazendo as minhas criações até eu redescobrir uma paixão, que é da vida toda: a papelaria, especialmente o scrapbook. O ano era 2014, e planners e bullet journals estavam com tudo.

Até que no final de 2017 eu vi uma oportunidade: vender assinaturas de kits pequenos e baratos, com material importado fracionado em amostras. Essa ideia atendia uma galera ávida por papelaria, ansiosa por novidades (que antes só tinha nas marcas gringas), mas que não tinha coragem nem cartão pra fazer compras internacionais. Nasceu o Clubinho do Papel.

De lá pra cá foram muitas transformações, aprendizados, disputas entre me dedicar à loja e ao trabalho como publicitária ao mesmo tempo, e mudança de interesses pessoais também. Eu passei a me envolver mais com a encadernação e criação de diários, e também com um antigo hobby, que é o de trocar correspondência impressa.

O Clubinho do Papel virou Journal Terapia Shop, e é um dos meus trabalhos. Talvez o mais prazeroso dos três. No meu instagram tô sempre postando alguma coisa sobre essa minha paixão pelos papéis, segue lá no @renatachecha!